domingo, 11 de maio de 2014

Feirense empata em Penafiel (1-1)

EMPATE NA DESPEDIDA
Vasco teve uma magnífica estreia como sénior ao marcar o golo do Feirense

O Feirense deslocou-se a Penafiel para disputar a 42ª e última jornada da Liga 2 Cabovisão, onde conseguiu um empate a uma bola. O jovem Vasco fez a sua estreia como sénior pelo Feirense e foi o autor do golo da sua equipa, apenas cinco minutos depois de ter entrado no jogo. Com este resultado, o Feirense atingiu os 50 pontos e classificou-se no 14º lugar.

FCP-CDF 4Apesar de este jogo servir apenas para cumprir calendário, o Feirense foi a Penafiel com vontade de discutir os três pontos em disputa. A tarde era de festa para os donos do terreno, que celebravam a subida à 1ª Liga, consumada na passada jornada, no terreno do União da Madeira, mas os fogaceiros cedo mostraram que não estavam em campo para fazer figura de corpo presente. Nos primeiros quinze minutos de jogo, a equipa de Pedro Miguel teve sempre o sinal mais, com várias aproximações à área contrária criando algumas ocasiões de relativo perigo para a baliza penafidelense. Aos 12 minutos, e contra a corrente de jogo, o Penafiel chegou ao golo na primeira vez que chegou à baliza de Paiva. Após uma jogada de insistência pela esquerda, Mota cruzou para o segundo poste onde surgiu Paulo Roberto a atirar para o fundo das redes. O Feirense não acusou o golo sofrido e manteve a pressão sobre o adversário. A equipa de Miguel Leal ia fechando todos os caminhos para a sua baliza saindo, sempre que possível, em contra-ataque como forma de tentar chegar à área fogaceira. Aos 24 minutos Cavallero surgiu isolado na cara de Paiva mas Pedro Santos, com enorme categoria, desarmou o avançado penafidelense. Três minutos depois, Cavallero voltou a isolar-se mas, pressionado por Tonel, atirou para fora. Os comandados de Pedro Miguel, com maior posse de bola, controlavam o jogo e, aos 31 minutos, poderiam ter empatado o jogo quando Jorge Gonçalves, em zona privilegiada e servido por Hélder Rodrigues, errou a pontaria e atirou por cima da barra. Ao intervalo o Feirense perdia por 1-0.

Os azuis entraram para o segundo tempo com a mesma vontade e determinação em discutir o resultado, mantendo a pressão sobre o último reduto penafidelense. Fábio era uma dor de cabeça para os jogadores adversários que revelavam alguma dificuldade em parar o jovem médio fogaceiro. Aliás, grande parte do jogo do Feirense passava pelos pés do médio criativo que, apesar dos seus 20 anos de idade, revela ser possuidor de excelente técnica e uma grande visão de jogo. Aos 55 minutos Tonel esteve perto do golo mas o cabeceamento do defesa-central saiu ligeiramente por cima. No minuto seguinte o técnico fogaceiro lançou no jogo o jovem Vasco, para o lugar de Hélder Rodrigues, dando a oportunidade ao avançado de se mostrar na competição. Apenas cinco minutos depois o Feirense restabeleceu a igualdade no marcador, pelo recém-entrado Vasco, no coração da área a concluir de cabeça um excelente cruzamento de Ricardo Valente. Foi uma excelente estreia em jogos oficiais como sénior para o jovem avançado fogaceiro. Na resposta, o Penafiel quase marcava, mas Paiva fez uma magnífica defesa a negar o golo a Cavallero. Por esta altura assistia-se a uma toada de parada-e-resposta, com jogadas de perigo junto das duas balizas e com os guarda-redes a serem os protagonistas. Aos 71 minutos Tiago Rocha mostrou bons reflexos ao negar o golo do Feirense, após uma jogada de insistência dos fogaceiros na área do Penafiel. A poucos minutos do final do encontro, os fogaceiros poderiam ter operado a reviravolta no marcador mas o remate de Diogo Bittencourt acertou em cheio no poste. Até final assistiu-se a jogadas de relativo perigo em ambas as balizas mas o jogo terminou com a igualdade a uma bola.

Liga 2 Cabovisão
42ª Jornada
Domingo, 11 | 16 horas
Estádio 25 Abril – Penafiel

Penafiel 1 – Feirense 1

Penafiel: Nuno Santos (Tiago Rocha, 55'), Fernando, Nelson Sampaio, Pedro Santos, Elisio (Vítor Bruno, 39'), Ferreira, Mota, José Coelho, Ari, Paulo Roberto (Mbala, 64') e Caballero
Suplentes: Tiago Rocha, Pedro Ribeiro, André Fontes, Mbala, Dani, Romeu Ribeiro e Vítor Bruno
Treinador: Miguel Leal

Feirense: Paiva, Rena, Pedro Santos, Tonel, Diogo Bittencourt, Sténio, Fábio, Ricardo Valente (Valdinho, 79'), Hélder Rodrigues (Vasco, 56'), Jorge Gonçalves e Cédric (Ricardo Barros, 66')
Suplentes: Marco, João Ricardo, Tiago Jogo, Ricardo Barros, Barge, Vasco e Valdinho
Treinador: Pedro Miguel

Árbitro: Nuno Almeida
Assistentes: Nuno Vicente e Pais António

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Pedro Santos (50') e Fernando (89')

Marcadores: Paulo Roberto, 12' e Vasco, 62'


Sem comentários:

DESTAQUES

CICLISMO | A equipa do Vito-Feirense – BlackJack