domingo, 11 de junho de 2017

Rodrigo Nunes avança a pensar no centenário

Presidente do clube apresenta, na quarta-feira, a lista que deverá concorrer sozinha para um novo mandato. Líder já pensa nas celebrações dos 100 anos, nas quais investirá 5M€

O Feirense está às portas do centenário - que será comemorado no próximo ano. Rodrigo Nunes tinha prometido aos sócios ficar na presidência até à data simbólica e já está a planear as comemorações

Foi a 19 de março de 1918 que o Feirense foi fundado. O emblema de Santa Maria da Feira está, por isso, a um ano do centenário, que já está a ser pensado por Rodrigo Nunes, presidente do clube em final de mandato, mas que vai apresentar, na quarta-feira, uma lista que, ao que tudo indica, deverá ir a eleições sem oposição. o dirigente, que entrou para o Feirense em 1999, cumpre, assim, a palavra que tinha dado aos sócios. "Era uma promessa que eu tinha feito. Consegui fazer do Feirense aquilo que sempre idealizei", revelou.

Na cabeça de Rodrigo Nunes já estão os preparativos para a celebração que marcará a história do clube. "Estamos a pensar investir cinco milhões de euros. Quatro milhões virão de receitas próprias, só da venda do Rafa do Braga para o Benfica [o jogador foi formado no Feirense] receberemos dois milhões. Facilmente atingiremos esse valor", assegurou.

"Queremos publicar um livro sobre a nossa história, queremos fazer a gala do centenário no Europarque, pretendemos inaugurar um monumento ao espírito Feirense e, em suma, existirão várias iniciativas de quinze em quinze dias que começarão a 1 de Janeiro de 2018 e terminarão um ano depois", acrescentou. No entanto, terminar o centro de formação é o grande objectivo. "Foi uma obra iniciada em 2001, inaugurada em 2004, mas por falta de apoios ou capacidade financeira, não foi concluída e, agora, com a venda do Rafa iremos terminá-la", garantiu.

"Estamos a pensar investir cinco milhões de euros. Só da venda do Rafa receberemos dois milhões"
Rodrigo Nunes, presidente do Feirense

in: jornal O JOGO

Sem comentários: