quinta-feira, 29 de março de 2018

Nuno Manta: «Mais vale somar que sumir»

Treinador faz a antevisão do jogo com o Marítimo

Em zona de descida na sequência da última jornada, o Feirense de Nuno Manta precisa de pontos como de pão para a boca e é só esse o foco do técnico. "Temos de conquistar pontos e trabalhamos bem a nossa estratégia para isso mesmo. Três pontos seria perfeito, mas um ponto é um ponto. Mais vale somar que sumir!", afirmou o treinador fogaceiro.

Sexta-feira, nos Barreiros, a equipa de Santa Maria da Feira tem pela frente o Marítimo que joga em sua casa, num estádio onde o Feirense nunca venceu. "Isso é algo a que nos podemos agarrar para conquistar pontos ou mesmo a vitória nos Barreiros", defendeu Manta que vê a equipa insular "com características próprias quando joga em casa" e prevendo que sexta-feira vão jogar duas equipas que "darão a vida pelos pontos".


A oito jornadas do final do campeonato, a fase decisiva é agora e Nuno Manta não foge à responsabilidade, mesmo num jogo em que, desde logo, tem quatro baixas por castigo. "Faltam oito finais decisivas. Neste jogo, é verdade que temos algumas ausências, mas trabalhamos os jogadores que estão menos rotinados e eles estão perfeitamente identificados com o processo evolutivo da equipa", sustentou.

Marítimo, 6º classificado da Liga NOS com 39 pontos, recebe o 17º, Feirense, com 23, esta sexta-feira, no Estádio dos Barreiros, a partir das 16 horas.

in: RECORD
Autor: Rúben Tavares

Sem comentários:

DESTAQUES

Nuno Manta, «o menino» das gentes da Feira, foi o rei da festa

Pelo segundo ano consecutivo, o Feirense celebra a permanência que tem um rosto principal: Nuno Manta Santos Mal soou o apito final d...