sexta-feira, 6 de julho de 2018

Marco Soares discutirá lugar com o capitão Cris

O médio-defensivo e capitão de Cabo Verde assinou por duas épocas, depois de se desvincular do AEL Limassol (Chipre), onde, em três temporadas, somou 110 jogos e cinco golos

O Feirense já garantiu o quinto reforço para Nuno Manta, depois das entradas de Tiago Mesquita, Vítor Bruno, Edinho e Bruno Brígido. Amanhã, há um particular com o Águeda e depois o estágio em Seia


O Feirense continua bastante ativo no mercado e, praticamente no espaço de duas semanas, ofereceu cinco reforços a Nuno Manta, sendo o último Marco Soares, contratado depois de Tiago Mesquita, Vítor Bruno, Edinho e Bruno Brígido. O médio-defensivo assinou com a equipa de Santa Maria da Feira por duas temporadas, depois de se desvincular dos cipriotas do AEL Limassol, onde passou as últimas três épocas, nas quais realizou 110 jogos e apontou cinco golos.


O regresso a Portugal, onde já representou clubes como Leixões e Olhanense, é algo que entusiasma o jogador de 34 anos. "Fiquei muito honrado com este convite do Feirense. Estava feliz no Chipre, jogava sempre, mas queria voltar a casa e regresso por uma porta grande", revelou Marco Soares ao site do clube, ele que é capitão da seleção de Cabo Verde e que provavelmente pediu conselhos ao compatriota Babanco, antes de assinar: "Falei com alguns colegas e disseram-me coisas muito boas do Feirense. O clube está a crescer, tem uma massa adepta empolgante e acredito que esta vai ser uma época positiva."

Ontem à tarde, o médio-defensivo, que à partida terá de lutar por um lugar no onze com o capitão Cris, já treinou sob orientação de Nuno Manta.

"Já fui ao relvado do estádio e estou ansioso por vestir esta camisola e começar a jogar. Tenho muito para dar ao Feirense. Obrigado por esta oportunidade! Nao duvidem, vou retribuir em campo", disse o novo número 60, que amanhã já poderá ser utilizado no primeiro particular de pré-época, no Marcolino Castro, diante do Águeda.

No dia seguinte, domingo, o plantel segue viagem para Seia, onde permanecerá em estágio até ao sábado seguinte - 14 de julho - dia em que encerra a concentração com um particular contra a equipa marroquina do FAR Rabat. Antes, no dia 11 de julho, o Feirense enfrenta o Académico de Viseu, naquele que será o segundo ensaio para Nuno Manta ir tirando algumas conclusões.

in: jornal O JOGO

Sem comentários:

DESTAQUES

“Não havia margem para erros, mas a relação no Feirense foi espetacular e com resultados”

foto: jornal Correio da Feira Susana Torres, mental coach (alta performance em desporto) Como é que alguém de Gestão e que trabalho...