terça-feira, 1 de maio de 2018

Duas vitórias seguidas oito meses depois dão fôlego

Equipa de Nuno Manta saiu da zona de descida ao fim de cinco jornadas

Com o triunfo do último sábado no Estádio do Bonfim, ante o Vitória de Setúbal, o Feirense não só ultrapassou um adversário direto na luta pela manutenção, como repetiu um registo triunfal oito meses depois: duas vitórias consecutivas na Liga.

Antes do êxito em Setúbal, a equipa de Nuno Manta tinha ganho em casa ao V. Guimarães na 31.ª jornada, a anterior, por 2-1. Uma série curta e que só encontra paralelo esta época em finais de agosto de 2017. Curiosamente, com números idênticos.

À terceira jornada, os fogaceiros bateram o P. Ferreira no Marcolino de Castro por 2-1 e foram vencer fora na ronda seguinte também por 2-0, em Chaves.

No Bonfim, os azuis alcançaram a terceira vitória fora na Liga e todas elas foram por 2-0: além de Setúbal e Chaves, a outra foi na casa do Estoril.

O bis de João Silva ante os sadinos permitiu não só igualar a dita série de vitórias, como sair da zona de descida cinco jornadas depois. O Feirense tinha ali caído no final da 27.ª jornada, após a derrota ante o Benfica e livra-se ao fim da 32.ª, ganhando um fôlego pouco visto recentemente na luta pela permanência.

Falta a deslocação ao Estádio do Dragão e, a fechar, a receção ao Estoril.

in: MaisFutebol.iol.pt

Sem comentários:

DESTAQUES

“Não havia margem para erros, mas a relação no Feirense foi espetacular e com resultados”

foto: jornal Correio da Feira Susana Torres, mental coach (alta performance em desporto) Como é que alguém de Gestão e que trabalho...