terça-feira, 26 de junho de 2018

Henrique aprova o amigo Mesquita como reforço

Tiago Mesquita é reforço do Feirense
O central jogou com o lateral-direito durante as últimas três temporadas no Boavista, destacando a "agressividade e o enorme pulmão" como as principais características do defesa


Henrique realçou também a capacidade de liderança de Mesquita, que chegou a ser um dos capitães dos axadrezados. O estilo dele vai encaixar-se no Feirense, que é um clube que o central tão bem conhece…

Henrique e Tiago Mesquita conheceram-se no Boavista, clube ao qual ambos chegaram na temporada 2015/2016 e ao longo destes últimos três anos criaram uma forte amizade. Por isso, o central, que neste momento se encontra sem clube, pois terminou o contrato com os axadrezados e já veio a publico dizer que não iria continuar, deixou elogios ao primeiro reforço do Feirense. "É um exemplo como pessoa e como jogador. É um trabalhador nato, lida bem com desafios e em qualquer circunstância mantém sempre uma postura correta e tem uma personalidade forte", contou, referindo que o lateral-direito chegou a ser um dos capitães do Boavista, algo que também irá fortalecer o balneário dos fogaceiros.

"É um bom elemento para o grupo, a nível de liderança, e encaixa-se bem no estilo do Feirense, que é um clube que tão bem conheço. Se me ligassem a perguntar sobre o Tiago, diria logo que sim, assinem com ele", revelou, acrescentando quais as suas principais características: "É muito forte fisicamente, muito agressivo, tem uma facilidade em fazer o corredor direito, pois tem um pulmão enorme e a nível defensivo também dá muita consistência à equipa. Se melhorar a nível ofensivo, no último passe, torna-se num lateral muito completo", diagnosticou, prevendo um intenso duelo com o jovem Diga, que será o concorrente do atleta de 27 anos. "O Tiago pode ter uma vantagem por ser mais experiente, mas vi os últimos jogos do Diga e gostei, por isso deixo essa dúvida sobre quem será o titular para o Nuno Manta."

Para finalizar, Henrique desvendou uma curiosidade sobre o amigo, que era motivo de chacota no Boavista. "Os nosso colegas por vezes brincavam connosco e chamavam-nos irmãos Guedes porque éramos sempre os últimos a sair do balneário. Andávamos sempre juntos e muito preocupados com a imagem."

"Chamavam-nos irmãos Guedes por nos preocuparmos com a imagem"
Henrique, ex-jogador do Boavista

in: jornal O JOGO
ANDRÉ BASTOS

Sem comentários:

DESTAQUES

“Não havia margem para erros, mas a relação no Feirense foi espetacular e com resultados”

foto: jornal Correio da Feira Susana Torres, mental coach (alta performance em desporto) Como é que alguém de Gestão e que trabalho...