sexta-feira, 15 de junho de 2018

João Tavares via sub-23

foto: CD Feirense
O médio de 19 anos fez apenas três jogos na época passada e precisa de jogar com maior assiduidade. Cedência também é opção

João Tavares foi o elemento mais jovem no plantel à disposição de Nuno Manta, tendo iniciado a pré-época com 18 anos, na qual foi o melhor marcador com três golos, facto que ajudou à sua permanência na equipa. Contudo, ao longo dos 39 jogos que o Feirense realizou nas três provas nacionais, o médio apenas participou em três, nuns escassos 77 minutos, sendo que só num foi titular – para a Taça da Liga, diante do Moreirense.


A pouca utilização de João Tavares é algo que preocupa os responsáveis do clube e o próprio jogador, que aos 19 anos precisa de jogar com maior regularidade para se valorizar. Um dos caminhos para o médio ter mais hipóteses de competir é integrar a equipa de sub-23, que está ainda em fase de construção. Outra solução passa pelo empréstimo do jovem jogador.

in: jornal O JOGO
ANDRÉ BASTOS

Sem comentários:

DESTAQUES

“Não havia margem para erros, mas a relação no Feirense foi espetacular e com resultados”

foto: jornal Correio da Feira Susana Torres, mental coach (alta performance em desporto) Como é que alguém de Gestão e que trabalho...